quarta-feira, setembro 20, 2017

Parafilias e afins

Um dia destes disse ao meu marido que notava que alguns senhores ficavam muito interessados a olhar para mim, na minha condição de grávida.

A cara dele traduziu um misto de gozo e de compaixão.  Achou hilariante eu insinuar que homens se interessavam por grávidas de 8 meses (que é o que eu pareço).

Pois se há coisas bem mais esquisitas, como gostar de mulheres sem dentes! Qual é a admiração de se olhar para uma mulher supostamente fértil?Até digo mais, o modus operandis destes senhores é praticamente o mesmo:

- olham uma pessoa de alto a baixo mas detêm-se na barriga (as pupilas dilatam-se e esboçam um ligeiro esgar, tipo fome, ou ansiedade não sei)
- depois olham para a cara (micro-segundos )
- descem às mamas grandes  (estremecem)
- voltam a olhar para a barriga (pupilas dilatam-se pela 2ª  vez).

 E aí ficam a marinar até se aperceberem que estao a ser observados. Uns envergonham-se, mas atrevo-me a avançar que é uma modesta minoria.

Eu quase que acompanho o monólogo da pessoa que me percorre mentalmente:

Barriga - "Hum, esta engravidou… em algum momento teve que se relacionar sexualmente…"
Cara"Inseminação? Naaa… esta engravida só de guardar a factura da pílula"
Mamas– "Pára tudo!! Dúvida: está prenha ou já amamenta?"
Barriga – "Grande pagode que deve ter sido" (suspiro)

O meu colega de escritório é diferente do meu marido. Não só sabe que isso existe, como consegue dizer de cor os melhores sites pornográficos de pregnofilia, e quis mostrá-los (neste ponto da conversa  as duas estagiárias presentes na sala começaram aos gritos).

 Curiosamente, o meu colega até acha as grávidas umas grandessíssimas focas e terminou dizendo que lhe faz todo o sentido o fetiche das pessoas sem dentes. 

Concordo. Há que derrubar a intolerância, vivam os fetiches que nos dão mil alegrias...





3 comentários:

redonda disse...

:)))) bem destes fetiches acho que não sabia (sem dentes é que não percebi de todo)
um beijinho
Gábi

Love Adventure Happiness disse...

Já me tinham falado dessa tara por grávidas... O único "tarado" que me olha assim até hoje acho que foi o meu marido ahahahah

Cláudia S. Reis disse...

Cada um com seus fetiches!!