sexta-feira, dezembro 15, 2006

O Infortúnio

Ontem fui brutalmente arrancada da cama às 23h00.(Para quem me conhece bem, sabe que isso equivale a acordarem-me às 5h da manhã, aos pontapés na nuca, enquanto me fazem lanhos na testa e me obrigam a cuspir metade dos dentes)

Era o meu irmão. Arrastando-me por uma perna, força-me a visualizar qualquer coisa no portátil dele.
É um vídeo caseiro do telemóvel. Mostra o Ruy de Carvalho, o Vitorino de Almeida, e mais uns quantos actores em amena cavaqueira com ele. “Já filmei hoje ” – informa, orgulhoso.

RAP a semana passada, protagonista cinematográfico nesta. Com cachet pago pelo ICAM, vulgo nós, cidadãos malfadados.
É triste, mas começo a desenvolver um sentimento inqualificável em relação a este ser deprimente que vive no quarto ao lado do meu. Conheci-o pequenino, com um escroto minúsculo e trocando amorosamente os “ss” por “x” .

E agora é este ser inominável que só me dá desgostos - não trabalha mas tem uma conta choruda, faz filmes mas é trôpego, vegeta o dia todo mas diz que estuda muito no IST, joga no casino e nunca perde, é roto mas só tem namoradas giras.

Que incentivo é este para se ser um elemento válido da sociedade como até agora fui? Cumpridora como poucas, bem-educada e responsável, trabalhadora e afável, consciente e bem-formada.

Amanhã vou-me colocar à porta do centro de dia da paróquia, com 10 gramas de haxixe numa mão e duas reservas de urânio na outra. Roubo tudo quanto é velhote, subtraio as suas próprias bengalas e ainda lhes aplico vigorosas bordoadas na bacia.

Depois é ir para casa, lançar-me para o sofá de braços estendidos e esperar pela boa sorte.
Ou pela brigada de narcotráfico.

21 comentários:

Anónimo disse...

a proposito... já tens rabo??

Ana disse...

Isso está mau!
Pensa possitivo, pode ser que o teu mano quando necessitar de uma actriz, pense em ti; depois o RAP reparava no teu trabalho e finalmente o conhecias e depois...

É tão fácil quanto!!!

Só boas ideias...

Susana disse...

se eu tenho rabo? mas isso pergunta-se? se não fosse por receio de ofender dezenas de pares de olhos neste blog cristão, mostrava estas nádegas valentes e ficavas a piar fininho!

botinhas disse...

vegeta o dia todo mas diz que estuda muito no IST
NUNCA um estudante do IST vegeta o dia todo!!! Isso é uma calúnia semlhante àquela do "no IST não há miudas giras"... ;)

Ana disse...

Pelo que li em alguns comentários, longe estás de ofender dezenas de pares de olhos deste blog cristão; assim numa recontagem rápida, tenho a sensação que aumentarias o número de visitantes...
não 2x; não 3x; mas muitas, muitas mais...

defecação rasteira disse...

Acho que se trocares o urânio por polónio ficas mais na moda e terás muito mais hipóteses de alcançar a sorte desafortunada do mal eterno.
Ainda assim, tenta ficar atenta aos anciãos de braguilha escancarada; não te queremos por aí a correr feita numa sem-alma com milhares de bengalas a fazer companhia às axilas...

obrigado (que eu agradeço sempre a quem me mostra que o humor e a escrita são qualquer coisa que se deve admirar de fora)

;)

Jorge disse...

Ninguém tem ideias construtivas em condições?
Ninguém orienta esta moça?
Francamente!

Susana, sacas a bengala e apontas ao fémur e bates até obteres uma fractura exposta. Regas bem a ferida com diluente e largas o fogo (opcional).

Para reforçares a tua aquisição de créditos para o inferno sugiro também um pouco de maldade para com os animais:

Caça do gato com varetas - acho que é auto-explicativo. Consiste em fazer arcos e flechas com varetas de chapéus e... RIIIIIINHAU!
Há uma actividade complementar que é queimar os gatos, depois de caçados obviamente, numa banheira velha. (Nunca pratiquei tal actividade mas conheço quem o tenha feito).

Quem se atrever a dizer mal do rabo da Susana será de imediato tomado como um gato. Só descansarei quando vos vir a deitar fumo.

Susana, leva uma manta porque o Inferno até é quentinho mas à noite costuma fazer frio. Eu levo um saco de água quente.

Papoila disse...

Mas, mas..... O TEU IRMÃO TEM NAMORADAS?????????????
Nãooooooooooooo!!!!!!!!!!!!!!!!

GREENEYE disse...

já vi que o rabo continua na mesma...
e ainda ouves o que provocou a degradação da musica portuguesa???
se pudermos chamar áquela bosta musica (donna maria)

susana disse...

asseguro-vos que é possível vegetar e frequentar o IST. é revoltante, no entanto verídico. E há miúdas giras no IST. Mas há mais miúdas feias.

susana disse...

Defecação rasteira: (porque não altaneira? algum medo insconsciente de falhar?)

velhos de braguilha escancarada era o que não faltava na c+s do monte abrãao, topo-los á légua!e se for preciso, e como boa exibicionista que também sou, levanto a camisola e mostro a costura do apêndice. h-o-r-r-i-p-i-l-a-n-t-e.

susana disse...

donna maria é bom, e a marisa é simplesmente linda. e nao é lesbianice, é saber congratular outra fêmea pelo adorável corpo e cara que tem.

ok talvez um pouco, mas com ela é difícil não o ser.

Ó MEU DEUS, É MESMO!!

susana disse...

Anita, se sobrevivi até aqui morando com uma coisa daquelas, só te posso assegurar que foi graças ao pensamento positivo. e medicação adequada.

susana disse...

Jorge: com esse feitio nunca vais arranjar um homem decente que te ame pelo que tu és!

apipocamaisdoce disse...

Vá, nem tudo é mau. Toma lá o último número do telemóvel do RAP: zero. Já não falta tudo, hein?

Ana disse...

Papoila:
Por muito que nos custe, teremos de começar a pensar de uma outra forma!
ou a salsicha girl fala do irmão com um fio de baba a escorrer pelo canto da boca enquanto implora, rezando sistematicamente noite após noite, para que o irmão não se prenda a ninguém; ou temos de admitir que o irmão deverá ser mesmo como o que escreve...
Mais um sonho desfeito!!!

defecação rasteira disse...

Tens uma costura? quem diria...(normalmente, no melhor pano o que se instala é a nódoa...)

("rasteira" por tudo, mas, principalmente, por um medo consciente de acertar)

Jorge disse...

Defecação rasteira - estás familiarizado com a "técnica da fartura"?

"... e Susana chuta para canto!"
Eu eu não quero um homem decente!
Sinto-me cada vez mais homosexual. Tão homosexual mas tão homosexual que acho que vou começar a ir para o balneário das senhoras no Solinca...

Rafeiro Perfumado disse...

MOSTRA, MOSTRA, MOSTRA!!! Ups, esqueci-me que estamos numa época natalícia, deixei-me levar pelo anónimo. Bom, recomeçando.... MOSTRAA

Carlos Sampaio disse...

ainda agora vim de um outro blog com um post que me pôes muito pensativo... Não aguento mais outro seguido! :S

Anónimo disse...

quem me dera ser esquizofrénico, fazia tudo e ainda me batiam nas costas... pois, coitadinho..não tem culpa....